100%

Drogômetros são testados em motoristas da capital gaúcha

Estudo piloto no Brasil, realizado pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas em Trânsito e Álcool (Nepta), ligado ao Centro de Pesquisa em Álcool e Drogas do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, testou quatro equipamentos diferentes que identificam a presença de substâncias entorpecentes em motoristas.

A tecnologia está em estudo para a utilização na fiscalização de trânsito. Os investigadores fizeram as abordagens em conjunto com agentes das operações Balada Segura, em Porto Alegre (RS). Os resultados encontrados acenderam um alerta para as autoridades.

Foram parados 178 motoristas, dos quais 164 aceitaram participar do teste. Deste total, 14 (8,5%) tiveram amostras positivas na triagem para cocaína, nove (5,5%) para maconha, nove (5,5%) para benzodiazepínicos (usado no manejo da ansiedade e da insônia), e cinco (3%) para anfetaminas.

Com a triagem concluída com os chamados drogômetros, algumas amostras foram encaminhadas ao exterior para testes laboratoriais. Todas elas deram resultado positivo, corroborando os dados obtidos no Brasil.

Metodologia utilizada
Os aparelhos respondem \"sim\" ou \"não\", a partir de determinada concentração da droga presente no organismo. Para a análise de quantidade são necessárias técnicas confirmatórias, e isso é difícil porque só pode ser feito fora do país.

Para a cocaína, os dispositivos utilizados foram bem avaliados. Mas, para maconha, por exemplo, os resultados da avaliação dos aparelhos não foram tão positivos.

Conforme fala dos estudiosos, três dos quatro drogômetros tiveram bom resultado, mas eles não podem ser a única forma de sinalizar se o indivíduo está ou não sob efeito do uso de drogas.

Como não existe aparelho com 100% de precisão, é importante que seja feita uma avaliação adequada somando mais de uma medida. A utilização de um bom aparelho deve ser agregada à avaliação clínica dos agentes de trânsito.

Os efeitos da droga no organismo e na capacidade de dirigir não são tão conhecidos, diferentemente do que ocorre com o álcool, que possui uma curva de efeito no trânsito já conhecida.

Na questão das drogas, essas curvas não são tão perfeitas. “O usuário pode estar positivo para maconha, mas como a dose de maconha que causa alteração no trânsito é variável de pessoa para pessoa e, ela é pouco conhecida, melhor que não se tenha nada”, explica o diretor do Centro de Pesquisa, Flávio Pechansky.

Caso haja conclusão de que os drogômetros podem ser usados, caberá ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) homologar a utilização. Após esta confirmação, os órgãos de trânsito estariam aptos a iniciar o processo de aquisição dos equipamentos, somando seu uso a avaliação clínica dos agentes de trânsito.

Observatório do crack
A utilização de drogas faz parte da realidade de milhares de Municípios brasileiros. Por meio do Observatório do Crack, criado em 2011, a CNM acompanha periodicamente informações relativas ao crack e a outras drogas.

Para a Instituição, a construção de ações e políticas públicas de prevenção ao uso de drogas deve estar ancorada em dados confiáveis. Desta forma, estudos e pesquisas têm se apresentado como ferramentas que permitem aprofundar a discussão sobre a temática das drogas no Brasil.

Foto: Divulgação Detran RS
Da Agência CNM de Notícias, com informações de Clicrbs


Fonte: Portal CNM - Confederação Nacional de Municípios
Protocolos desta Publicação:Criado em: 08/01/2019 - 09:44:37 por: Roni dos Santos - Alterado em: 08/01/2019 - 09:44:37 por: Roni dos Santos

Notícias

Ao Fantástico, Aroldi defende criação de novos Municípios
Ao Fantástico, Aroldi defende criação de novos Municípios

“Há regiões em que existe a necessidade de criação de novos Municípios. Se você pegar o Centro-Oeste e o Norte do país, aonde nós temos distritos a 500 km de distância da sede dos Municípios”, defendeu o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Glademir Aroldi, em entrevista ao Fantástico deste domingo, 20 de janeiro. O jornal abordou o assunto da criação de novos Municípios, questionando a necessidade de novos Entes locais no Brasil. A matéria especial,...

Câmara analisa regra especial de aposentadoria de policiais às guardas municipais
Câmara analisa regra especial de aposentadoria de policiais às guardas municipais

A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei Complementar (PLP) 531/2018 que estender a aposentadoria especial às guardas municipais. Atualmente, conforme a Constituição Federal, o regime diferenciado beneficia policiais federais, civis e militares. “A razão disso é que os funcionários das guardas municipais, independentemente do nome que têm, exercem função de segurança pública”, diz a justificativa do projeto. Conforme a proposta, do deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), o...

Prefeitura de Florianópolis compartilha experiências relacionadas com os ODS
Prefeitura de Florianópolis compartilha experiências relacionadas com os ODS

A importância do envolvimento dos Municípios brasileiros com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) é defendida pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) desde a adoção da Agenda Global que estabeleceu esses Objetivos em 2015. Muitos Municípios têm se empenhado na causa. Um deles é o de Florianópolis (SC). A CNM reforça que as ações realizadas pelas gestões locais já estão alinhadas com os ODS ao trabalharem para a melhoria da vida de sua população....

Saúde na Escola: gestor municipal tem até o dia 15 de fevereiro para indicar escolas
Saúde na Escola: gestor municipal tem até o dia 15 de fevereiro para indicar escolas

Mais de 60% dos Municípios brasileiros ainda não se cadastraram para participar do novo ciclo do Programa Saúde na Escola (PSE). Até a última semana, os gestores de Saúde e Educação de 2.978 cidades ainda não haviam apontado quais escolas públicas deverão participar deste novo momento do programa. Outros 678 Municípios iniciaram o processo, mas não concluíram. Eles têm até o dia 15 de fevereiro para finalizar a inscrição. Mais de 1.900 Municípios aderiram ao projeto do...

Atenção gestores: prazo de envio de declaração ao Siops encerra em 30 de janeiro
Atenção gestores: prazo de envio de declaração ao Siops encerra em 30 de janeiro

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta aos gestores municipais que a declaração no Sistema de Informações sobre Orçamento Público em Saúde (Siops) dos dados do 6° bimestre de 2018 deve ser realizada até dia 30 de janeiro. Caso expirado o prazo, o Sistema encaminhará automaticamente para os e-mails cadastrados dos usuários, uma notificação concedendo mais 30 dias para regularização, ou seja, até dia 2 de março, sob a pena de suspensão da transferência do...

Municípios têm até 17 de março para se inscreverem para a 17ª Semana Nacional dos Museus
Municípios têm até 17 de março para se inscreverem para a 17ª Semana Nacional dos Museus

Entre os dias 13 e 19 de maio será realizada a 17ª Semana Nacional dos Museus. Organizada anualmente pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), a iniciativa abre espaço para que museus e outras instituições culturais promovam atividades relacionadas ao tema da edição desse ano: “Museus como Núcleos Culturais: o Futuro das Tradições”. As propostas devem proporcionar às respectivas comunidades a reflexão, a discussão e a troca de experiências. As inscrições para a 17ª...

Garantia-Safra: agricultores familiares receberão o recurso a partir de janeiro
Garantia-Safra: agricultores familiares receberão o recurso a partir de janeiro

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) informa aos gestores municipais a autorização do pagamento do benefício Garantia-Safra referente a 2017/2018. Serão contemplados os agricultores familiares aderidos ao Programa de 25 Municípios dos Estados do Alagoas, Ceará, Paraíba e Sergipe. Os pequenos produtores terão o benefício de R$850,00 pagos em cinco parcelas mensais de R$ 170,00. Os recursos foram liberados por meio da Portaria 04/2019 publicada no Diário Oficial da União...

Gestores começam a se organizar para XXII Marcha, que será realizada em abril
Gestores começam a se organizar para XXII Marcha, que será realizada em abril

As expectativas do movimento municipalista para o novo Congresso Nacional e governo federal, que completará 100 dias de gestão durante a XXII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, estarão no centro dos debates de um dos maiores eventos políticos do país. A união por um Brasil melhor é o tema central desta edição e deve orientar as discussões entre autoridades e mais de sete mil gestores locais. A mobilização será em Brasília, dos dias 8 a 11 de abril. Vale destacar que,...

Novos parlamentares tomam posse e elegem Mesa Diretora em 1º de fevereiro
Novos parlamentares tomam posse e elegem Mesa Diretora em 1º de fevereiro

Com renovação histórica, a Câmara dos Deputados e o Senado Federal irão reunir, no dia 1º de fevereiro, os novos parlamentares para posse e eleição dos cargos das Mesas Diretoras. Os deputados e senadores vão eleger os membros no primeiro dia do mês, uma sexta-feira; após a cerimônia de posse. Relativamente rápida, a posse não conta com discurso dos parlamentares, apenas um pronunciamento do presidente da sessão e o juramento dos empossados. No caso do Senado, como único...

Mais um PL prevê isenção de impostos sem análise de impacto
Mais um PL prevê isenção de impostos sem análise de impacto

Propostas de isenção de imposto, principalmente da base de receita dos Municípios, para estimular categorias ou práticas é comum no Congresso Nacional. No entanto, essas proposições não apontam o impacto negativo que tais medidas causarão nos cofres municipais, se forem aprovadas. Esse é o caso do Projeto de Lei (PL) 10.669/2018 – do deputado Felipe Carreras (PSB-PE) – que isenta academias de impostos sobre equipamentos para prática de exercícios. O PL tramita em caráter...

Novo estudo reconhece vício gerado pelo uso da maconha
Novo estudo reconhece vício gerado pelo uso da maconha

Uma dúvida que permeia a questão do uso de maconha é se realmente vicia. A droga é ilegal no Brasil, mas permitida em 25 Estados dos Estados Unidos e em alguns outros diversos países, para fins recreativos ou medicinais. Recente pesquisa indica que a Cannabis sativa, utilizada a longo prazo, perturba determinados circuitos do cérebro, desencadeando desejos e dependências. A conclusão é da Escola de Ciência e Comportamento do Cérebro, da Universidade do Texas, em Dallas, nos EUA. O...